sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Trabalho?

É estranho com as idéias encrostam na nossa mente e a gente nem sabe de onde elas vieram. Eu sempre gostei de ler. No último ano do segundo grau eu desembestei a ler e li todos os livros da biblioteca do colégio. Não eram muitos, afinal eu não ia ler os didáticos, que eram a maioria. Desde de então virou hábito, paixão e profissão. Profissão? É estranho. Como uma coisa que começou por hobby vira trabalho? Eu já li milhares de casos e histórias mas é realmente estranho. O trabalho tem na nossa mente uma conotação tão negativa e impositiva que quando você trabalha no que gosta acaba trabalhando mais que o normal o perdendo um pouco o gosto. Eu sofro dos dois fenômenos devido a minha natureza confusa. Leio para trabalhar e nas horas vagas eu... leio, mas agora por prazer. Mas é bizarro. Procuro ler para me distrair livros que não tenham relação com a minha pesquisa e quando dou por mim estou com um livro da Lygia na mão. hehehe é até engraçado, muitas vezes me pego pensando, já que eu vou ler um pouco antes de dormir, porque não ler um conto dela? Vai que eu tenho uma idéia para um artigo?

2 comentários:

disse...

Eu acho que deve ser extremamente prazeiroso laborar em uma atividade que exija sobre tudo a leitura... pois acaba fugindo exatamente da conotação que o trabalho tem. Amo ler, é um vício. E que bom seria que todos pudéssemos trabalhar com aquilo que nos dá prazer. Infelizmente isso não é uma regra, que bom seria se fosse!.. me formei em fonoaudiologia porque desde menina sempre fui apaixonaaaada pela voz, pela lingua, pela oralidade, pela fala... até fiz especialização em voz e laringologia.. mas o campo é tão complicado :/ tenho como hobbie e paixão entao, porque acabo exercendo a audiologia.. mas, a gente tenta juntar os dois ne? ;D

um ótimo domingo! bjs

Mari disse...

Quem me dera eu conseguisse junta hobby e trabalho... mas acho que eu prefiro ganhar dinheiro e trabalhar pouco! kkkkkk

bjos amiga!