quarta-feira, 18 de julho de 2012

Ingenuidade, as vezes vc paga mico por causa dela...

Eu estava mega feliz em saber que mesmo sem blogar com regularidade, ainda mantinha minha média de 50 visitas por dia. Ainda mais por não saber direito como funciona a contagem das visitas. Se aquelas pessoas que olham o blog através do facebook, por exemplo, são contabilizadas.

Mas eis que minha felicidade, que nesse caso estava totalmente aliada a minha ignorância no assunto, acabou. Conversando com a Bia, eu descobri que o blog das BF's tem em média 4.000 acessos por dia. Agora já nem sei se ainda vale a pena dar uma pimpada no blog. Pensei em começar a publicar meus textos artísticos, colocar uma licença CC no blog, contratar alguém para melhorar a aparência e etc. Mas talvez seja um mal investimento... Será que algum dia terei mais de 50 acessos??

E se tiver? Isso vai surtir algum efeito no meu ego? Outra coisa que me fez repensar meu "plano de ação". Saber que existem "celebridades" da internet que tem seu próprio secto de seguidores, fãs muitas vezes acríticos. Isso dá um medo sim. O bom da internet, em certo ponto é essa relativa anônimidade. Algo que permitiria a circulação de opiniões livres de interesses econômicos em canais como blogs. Outro ponto positivo seria o acesso de pessoas que não pertencem a panelinha da elite cultural brasileira exprimir seu pensamento e por que não, seu viés artístico.

Mas parece que o perigo da midialização, no sentido que eu acabei de colocar, parece não ser algo longínquo.

Ou será que mais uma vez eu estou sendo ingênua e isso já aconteceu?

4 comentários:

Palavras Vagabundas disse...

Drixz,
sou tão feliz com a média de 50 acessos no meu blog! Não quero ser celebridade, não quero sucesso e ter que agradar, quero ter inteira liberdade!
Por ser um blog que fala basicamente de livro, você não tem ideia da quantidade de editoras que me assediam e até propõe aumentar o número de visitas, resposta: Não, obrigado! Quero ter a liberdade de escolher o livro e falar mal do autor e do texto. E não copio orelha como tantos blogs por aí.
Rapidinho eles desistem, às vezes, rs
Muita gente quer ganhar dinheiro, notoriedade e outras vantagens com o blog, em geral eu não sigo essa gente.
bjs
Jussara

Drixz disse...

É, Jussara. Essa liberdade é para mim mais tentadora do que qualquer ganho financeiro que eu possa vir a ter com meu blog.

jo marim hahon disse...

Isso é bom! Gostei de como escreve! Como escrevo para guardar relatos de minhas memórias em receitas e outras dicas que curto... não me importo muito com os acessos, neste blog, porem tenho um blog da minha empresa de festas, que gostaria que fosse mais acessado,pois penso que aumentaria minha clientela,"vivo disso", mais tudo bem!

Marina disse...

Quando comecei o meu blog do ano sem compras, eu tinha 5 vistas por dia. Isso durou um mês ou dois. Depois de um tempo isso foi aumentando. Hoje tenho outro blog e 300 visitas por dias, às vezes mais e às vezes menos. Importante dizer que o meu blog atual é muito mais "pop" que o seu, ou seja, apela para muitas pessoas e dá pra mais ou menos quase todo mundo se identificar. Acho que a gente escreve porque quer que alguém leia e, nesse sentido, ficamos felizes quando as visuzlizações de pághina aumentam. Mas não precisa ser uma coisa maluca, né?

(Acabei de ver aqui do lado agora o quadradinho onde se lê que "Feminismo é a ideia radical de que mulheres são gente!"; sou feminista então, ok?)

Beijo!