quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Ossos do ofício

Estava procurando os dados da porcentagem de mulheres na população brasileira. Quantas delas são economicamente ativas e etc. Encontrei até bem fácil no site do IBGE, mas os indicadores socias de gênero (o filtro) não estavam funcionando. Então... google it! E achei o site da spm onde você pode acessar os dados on line e descobrir todas essas maravilhosas estatísticas que regem a nossa vida.

Para quem quiser se "divertir" como eu, aqui vai: http://200.130.7.5/snig/

E descobrir também que mesmo sendo a maioria da população em idade ativa somos apenas 49,7% da força de trabalho.

Já que a eleição é amanhã e eu vou demorar a pegar o ritmo de trabalho, resolvi fazer algumas perguntas aos candidatos que eu sei que nunca serão respondidas.

1- Quais serão os mecanismos legais utilizados para a punição de políticos e servidores públicos?
2- Como será feita a reforma política (se será feita)? Quais as principais mudanças?
3- Uma reforma tributária é essencial para o pais. Onde se concentrarão as mudanças?
4- Qual é a política de transporte público a nivel federal? Mais rodovias para carros?
5- Quando será aprovado o voto aberto para senadores e deputados?
6- O lobby será legalizado algum dia?

Para você que vai votar amanhã com esperanças de ver algumas dessas perguntas respondidas. Que tem esperança de alguém que será eleito amanhã realizar algum desses feitos, sinto lhe informar que não. Nada disso irá acontecer. Então, tanto faz votar em um ou no outro. Eles só estão preocupados em promoção pessoal, enriquecimento ilícito e fazer amigos (tráfico de influências).

E se a esperança é a última que morre, aguém traz um desfibrilador pois a minha está em choque.

Boa sorte, Brasil! É só com ela que poderemos contar na segunda-feira, porque com esses políticos...

Nenhum comentário: